Cola na gente

DarkSide Books

Saiba tudo sobre o livro que vai dissecar O Massacre da Serra Elétrica

Com O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos],  a editora Darkside® inaugura a Coleção Dissecando, sobre os filmes clássicos do terror. Com este livro você vai conhecer tudo sobre esta obra incomparável do medo, escrito por alguém que é fã do assunto. O livro do músico e escritor Stefan Jaworzyn reúne histórias dos bastidores dos filmes da série, perfis do diretor e do psicopata que inspirou o longa, críticas da época, além dos relatórios que recomendavam a censura do filme, tudo amplamente ilustrado com fotografias raras e inéditas da filmagem e os cartazes que a obra ganhou mundo afora.

Do mesmo diretor de clássicos do cinema de terror, como Poltergeist (1982, parceria com Steven Spielberg), e de Pague para Entrar, Reze para Sair (The Funhouse, 1981), o cultuado O Massacre da Serra Elétrica marcou o inconsciente coletivo com seu serial killer mascarado. Em 1974, o filme de horror de baixo orçamento e sem estrelas causou pânico entre os censores, ao mesmo tempo em que arrancou dos fãs as mais diversas manifestações de júbilo e alegria, e continua ainda hoje tão poderoso e impactante quanto quando lançado, 30 anos atrás. Prova disso é o remake 3D previsto para estrear nos cinemas em fevereiro de 2013.

O filme é inspirado no psicopata Ed Gein – que exumava cadáveres de cemitérios, produzindo com eles relíquias para a sua coleção particular de memorabilia –, e num crime que havia acontecido um ano antes no Texas e chocado a sociedade norte-americana, que deu origem a uma série de lendas urbanas. O Massacre da Serra Elétrica acabou por se tornar um do mais importantes e controversos filmes de terror da história do cinema, influenciando praticamente todo grande filme do gênero feito após dele. A obra dirigida por Tobe Hooper chamou a atenção e ganhou o respeito dos fãs do gênero por abordar a história de maneira realista, quase documental, o que confundiu e assustou autoridades e censores mundo afora, que proibiram a obra por muitos anos de ser exibida em dezenas de países, o que só ajudou a despertar a curiosidade do público. Curiosamente, o filme tem pouco sangue, mas impressiona pelas interpretações convincentes de todos.

Ed Gein – que já havia sido inspiração para Norman Bates, de Psicose (1960), clássico de Alfred Hitchcock, e iria inspirar mais tarde Hannibal Lecter, de O silêncio dos inoncentes (1991), de Jonathan Demme – foi a principal referência para Gunnar Hansen, o ator responsável pela seminal interpretação de Leatherface, que inclusive gerou especulações de que algumas das cenas do filme seriam reais. O enredo é simples e conhecido: jovens em seu furgão pelas estradas do Meio-Oeste norte-americano param em uma fazenda a procura de ajuda. Começa então uma caçada aterrorizante, repleta de suspense e horror, que vai culminar com o massacre do título.

Baseado em novas e completas entrevistas com mais de 20 pessoas do elenco e da equipe de produção, O Massacre da Serra elétrica [Arquivos Sangrentos] integra a Coleção Dissecando, da DarkSide®, e apresenta pela primeira vez o making of e a história completa da série, revelando seus bastidores e inclui um prefácio do próprio Leatherface (Gunnar Hansen); fotografias raras e inéditas das produções; cobertura aprofundada das cinco sequências que o filme teve até hoje, e muito mais.
Aumente o volume de sua serra elétrica e disseque este clássico que já foi definido como “A pornografia do terror” e “A degradação absoluta da imaginação artística” e ajudou a formar muitos diretores da nova geração!

O livro “O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos]” tem seu lançamento previsto para março de 2013, no formato 14x21cm e estimado em 320 páginas.

“E eu pensava que seria apenas mais um filme de
horror de baixo orçamento… Bem, eu estava errado.”
– do prefácio de Gunnar Hansen, o Leatherface no filme original –
“Um dos mais assustadores filmes de todos os tempos.”
– Entertainment Weekly –
“Ainda o melhor filme de todos os tempos
quando se trata do medo puro e simples.”
– Stephen King –

Sobre o autor
Stefan Jaworzyn editou o fanzine de horror Shock Xpress (1985-1990), que deu origem à série de livros homônimos. O inglês também é fundador do festival de filmes de horror Shock Around the Clock e guitarrista, tendo participado das bandas de rock Pure, Skullkflower, da banda de jazz Ascension, além do projeto paralelo Descension. Jaworzyn criou também sua própria gravadora, a Shock Records (1989-1996).

Editora DarkSide®
O horror, a fantasia, o suspense, o mágico. A Editora Darkside® reúne o que há de mais interessante e instigante no universo sombrio da literatura, de ontem e de hoje.
A cada página de um livro, a cada fase de um jogo, a cada calafrio, estaremos apostando sempre no escuro, no mágico, no inusitado, no novo. Go play!

Mais informações
vc@darksidebooks.com
www.darksidebooks.com

Advertisement
Clique para comentar

DarkSide Books

#GraphicNovel Tokyo Ghost – Darkside Books

Você que gosta de muito sangue, ação e tecnologia, ‘Tokyo Ghost’ é sua pedida!

Todo mundo anda ocupado em evitar a realidade, enfurnado nos antros do ópio eletrônico, cujo monopólio está nas mãos de gângsteres comandados pelo famigerado Flak. E como em todo comércio que envolve viciados, os problemas não são poucos.

Escrito pelo aclamado roteirista Rick Remender (Deadly Class, X-Force, Fabulosos Vingadores, Venom, Capitão América), com arte magistral de Sean Murphy (Batman, Hellblazer, Vampiro Americano) e cores de Matt Hollingsworth (Wytches, Preacher, Demolidor, Hellboy), Tokyo Ghost é uma ficção científica distópica repleta de ação, com influências que começam em Blade Runner e William Gibson, passam por artistas futuristas dos anos 1970 e 1980 e chegam a Akira, além de mangás que evocam a cultura dos samurais.

Compre aqui!

Continue Lendo

DarkSide Books

#GraphicNovel 30 Dias de Noite – Darkside Books

Os vampiros mais violentos em um único volume totalmente sangrento…

Uma vez ao ano, em uma pequena cidade isolada chamada Barrow, no extremo norte do Alasca, nos Estados Unidos, o sol se põe e não nasce por trinta dias seguidos. Entre as esquinas macabras, becos escuros e uma espessa cortina de neve, criaturas milenares aproveitam os trinta dias de noite para atacar os moradores da cidade sem medo e reprimir sua insaciável sede de sangue.

Esses vampiros não são bonitos ou sensíveis. São brutais, desprezíveis, cruéis — animais que caçam e matam sem escrúpulos. Barrow é a cidade perfeita.

Assim como na graphic novel Wytches, de Jock e Snyder, Steve Niles e Bem Templesmith criam uma releitura moderna de uma figura icônica na cultura pop e fazem seus personagens ficar a um passo do abismo na luta pela sobrevivência em uma cidade fria, escura, isolada e favorável a predadores impiedosos. Entre elaboradas cenas de ação brilhantemente retratadas na arte cheia de camadas e referências de Ben Templesmith, Niles constrói relações humanas intensas e poderosas em meio à um verdadeiro banquete sangrento. Diante da morte inevitável, muito se revela.

Compre aqui!

Continue Lendo

DarkSide Books

‘Seres Mágicos & Histórias Sombrias’ tem Neil Gaiman, Joe Hill e mais

Se liga nessa antologia de contos que a Darkside Books preparou para nós…

As melhores histórias são poderosas o suficiente para fazer com que o leitor continue virando as páginas, ávido para obter respostas para a pergunta que move todos os curiosos: “o que aconteceu depois?”. É uma conexão que vai muito além das restrições de gênero literário; no fim, o que importa são as histórias, e se elas são capazes de desprender o leitor da realidade para fazê-lo simplesmente imaginar.

‘Seres Mágicos & Histórias Sombrias’ de Neil Gaiman, autor de Deuses Americanos, Coraline e Sandman, se uniu ao escritor de terror e ficção científica Al Sarrantonio para editar uma antologia especialmente sombria e mágica para leitores curiosos que gostam de sonhar.

Com 27 histórias que expandem e redefinem a ficção imaginativa, ‘Seres Mágicos & Histórias Sombrias’ reúne Joyce Carol Oates, Joe R. Lansdale, Jodi Picoult, Peter Straub, Chuck Palahniuk, Jeffery Deaver, Joe Hill e outros inúmeros autores renomados que toparam o desafio de transcender todo e qualquer limite ao darem vida a seus personagens e histórias de maneira afiada e intensa, cada um à sua maneira.

Saiba mais acessando o DarkBlog, e se você já quer adquirir na pré-venda acesse aqui.

Continue Lendo
Advertisement

Hype do momento