Cola na gente

Cinema

“Mal Nosso” veio para mostrar o potencial do terror nacional

Um filme de Samuel Galli com Ricardo Casella, Ademir Esteves, Luara Pepita, Walderrama dos Santos. A história de Arthur (Ademir Esteves), um exorcista e guia espiritual que usa a internet para contratar um assassino de aluguel (Ricardo Casella) para proteger sua filha Michele (Luara Pepita) de uma possessão demoníaca.

O terror nacional vem se arrastando a muito tempo com produções receosos em se arriscar para não perder a atenção do grande público, estratégia que acaba desagradando quem realmente gosta do gênero e procura terror de verdade. “Mal Nosso” veio pra provar o potencial de uma produção de terror nacional, coisa que não se via a um bocado de tempo, cheio de referências bem realizadas e reviravoltas de respeito.

A narrativa se constrói aos poucos e bem lentamente, em alguns momentos o longa segue arrastado, com cenas lentas demais, dá pra notar a estratégia do diretor em manter o suspense de uma forma dramática mas acabou exagerando um pouco. Isso não tira o mérito do filme com seus vários pontos altos para uma produção independente, como a maquiagem surpreendente e rica em detalhes, que deu ao filme um tom de produção comercial. A direção também é muito bem alinhada a fotografia deixando muito filme gringo no chinelo com cenas de violência bem conduzidas, focando em enquadramentos que mantém a tensão e não deixam perder a seriedade da cena, são pontos altos no longa, coisa difícil de se realizar caso contrário pode beirar o cômico.

No geral, Mal Nosso não peca em seu propósito de transmitir uma trama forte e misteriosa, porém simples, com personagens que te mantém a curiosidade enquanto seus objetivos são revelados pouco a pouco a la “O Sexto Sentido” com toques de “O Iluminado” de Kubrick.

Misturando muito bem os sub gêneros “possessão demoníaca” e “serial killer” com tom sombrio e coloração soturna a produção independente conduz uma boa narrativa e técnica competente até o fim do filme.

Fã do cinema de terror, Samuel Galli decidiu produzir um filme com uma estrutura desconstruída, que dá espaço para reviravoltas tanto na narrativa, quanto na mistura de gêneros. Inicialmente, Mal Nosso (Our Evil) seria um thriller espiritual, mas a parceria com Rodrigo Aragão, mestre em efeitos em maquiagem, tornou possível dar vida à violência e ao sobrenatural. Gravado em 25 dias, em 2015, o filme traz também as assinaturas de Márcio Pasqualin, um dos maiores coloristas do Brasil; Alessandro Laroca, editor de som, responsável pelo áudio de Cidade de Deus; e Gustavo e Guilherme Garbato (Casa da Sogra Soluções Sonoras), na trilha sonora, com destaque para a música StolenSeason, da banda gótica finlandesa The 69 Eyes.

Sobre Samuel Galli – Formado em Direito e proprietário de um restaurante em Ribeirão Preto – SP, Galli fez um curso de cinema na NYFA, em Los Angeles. Desde então, até 2015, se dedicou aos estudos de roteiro, direção, direção de fotografia, edição e produção. Juntou suas economias, adquiriu os equipamentos e se uniu à produtora Kauzare Filmes, também de Ribeirão Preto, e produziu o filme. Ele aposta em Mal Nosso (Our Evil), seu filme de estreia, como um cartão de visita no cinema independente de terror. E já trabalha no roteiro de seu próximo longa, um thriller com toques de horror.

Advertisement
Clique para comentar

Cinema

Filme baseado em conto de Edgar Allan Poe ganha trailer misterioso

the-bloodhound-movie-film-horror-mystery-2020-poe-arrow-streaming-1

Uma visita a um amigo rico e recluso leva um jovem a um mundo de medo e desespero em “The Bloodhound”.

O filme é baseado no conto de Edgar Allan Poe “A Queda da Casa de Usher” (The Fall of the House of Usher), e é o primeiro longa do diretor Patrick Picard que também escreveu o roteiro.

Nos papéis principais estão Liam Aiken (Desventuras em Série), Joe Adler (Maze Runner: Correr ou Morrer), Annalise Basso (Ouija: Origem do Mal) e McNally Sagal (Oito Mulheres e um Segredo).

A história acompanha Francis (Liam Aiken) um jovem que vai até a casa isolada de seu rico amigo de infância Jean Paul Luret (Joe Adler), cujo sofre de uma doença misteriosa e não o encontra há 10 anos. Ao chegar, Francis descobre que o amigo e sua irmã gêmea Vivian são os únicos sobreviventes da família Luret, que carrega um legado de depressão e autodestruição. Enquanto os velhos amigos tentam se reconectar, uma série de incidentes inexplicáveis ​​começam a ocorrer dentro da casa, e Francis se vê arrastado para um mundo de medo e desespero, onde um ato de traição pode fornecer sua única saída.

“The Bloodhound” tem data de estreia marcada para o dia 1 de dezembro nos EUA. Por aqui ainda não tem uma data definida.

Continue Lendo

Cinema

Vozes | Filme de Terror Espanhol Estreia na Netflix

vozes-filme-de-terror-sobrenatural-netflix

Hoje (27) estreou na Netflix o terror sobrenatural espanhol “Vozes” (Voces), que marca a estreia do cineasta Ángel Gómez Hernández com seu primeiro longa-metragem.

Clique aqui para assistir ao filme.

“No filme, o casal Daniel e Sara chegam à nova casa com o filho Eric, de 9 anos, onde pretendem começar uma nova vida, sem saber que a propriedade sempre foi conhecida nas redondezas como “a casa das vozes”. O pequeno Eric é o primeiro a perceber que sons estranhos estão escondidos atrás de cada porta e que vozes parecem estar tentando se comunicar com a família.”

O filme foi escrito por Santiago Díaz, e é protagonizado por Rodolfo Sancho, Ana Fernández, Lucas Blas, Ramón Barea, Belén Fabra e Nerea Barros.

Continue Lendo

Trilha do Medo no Facebook

As Melhores Trilhas Sonoras de filmes de Terror

Ouça nossa playlist de filmes de terror / séries no Spotify com um montão de trilhas sonoras:

Hype do momento