Cola na gente
Netflix Haunting Of Bly Manor Netflix Haunting Of Bly Manor

curiosidades

Curiosidades Sobre a Série “A Maldição da Mansão Bly”

1) A série “A Maldição da Mansão Bly” é baseada nas obras do escritor Henry James, que originou inúmeras produções cinematográficas e televisivas, principalmente o filme “The Innocents” de 1961, que serviu como grande inspiração para “A Maldição da Mansão Bly”, diversas cenas da série recriam planos cinematográficos bastantes semelhantes aos do filme.

 

2) A personagem principal se chama Dani Clayton, cujo o sobrenome é uma clara homenagem ao cineasta Jack Clayton, diretor de “The Innocents”.

THE HAUNTING OF BLY MANOR (L to R) VICTORIA PEDRETTI as DANI in THE HAUNTING OF BLY MANOR Cr. EIKE SCHROTER/NETFLIX © 2020

 

3) Esta é a 35ª adaptação para cinema / TV baseada no livro “A Volta do Parafuso” (The Turn of the Screw) de Henry James.

 

4) De acordo com o dicionário de Cambridge a expressão The Turn of the Screw (A Volta do Parafuso) significa que:
Uma ação pode tornar uma situação ruim ainda pior, especialmente quando alguém é forçado a fazer algo. Ou uma ocasião em que alguém coloca mais pressão sobre outra pessoa para que ela faça algo.

 

5) A música que Flora fica cantarolando na série se chama “O Willow Waly” de Georges Auric e Paul Dehn, originalmente composta para o filme “The Innocents”.
‘We lay my love and I
beneath a weeping willow,
but now alone I lie
and weep beside the tree.

Singing O Willow Waly by the tree that weeps with me,
singing O Willow Waly ’til my lover returns to me.

We lay my love and I
beneath a weeping willow,
but now alone I lie.
Oh Willow I die,
Oh willow I die’.

 

6) As filmagens terminaram apenas um mês antes das suspensões de produção de muitos programas de televisão devido à pandemia de COVID-19.

 

7) A história de Viola e Perdita é apresentada no conto “The Romance of Certain Old Clothes” escrito por Henry James em fevereiro de 1868 e publicado pela primeira vez no The Atlantic Monthly. James posteriormente fez algumas revisões, incluindo mudanças no nome da família e no de Viola, que passou a se chamar Rosalind, quando publicou a história no Reino Unido em 1885.

 

8) O livro “A volta do parafuso” já teve uma adaptação cinematográfica brasileira lançada em 2016 com o nome ‘Através da Sombra’.

atraves da sombra a volta do parafuso mansão bly brasileiro

A Maldição da Mansão Bly brasileira?

 

9) O quarto no albergue em que Dani fica é o de numero 217. Esta é uma referência ao livro de Stephen King “O Iluminado”. King é um grande fã da primeira temporada da série “A Maldição da Residência Hill” dirigida por Mike Flanagan, ambos são admiradores dos trabalhos um do outro. Flanagan também dirigiu adaptações das obras de King, incluindo “Doutor Sono” e “Jogo Perigoso”.

stephen-king-e-mike-flanagan

 

10) A atriz mirim Amelie Bea Smith, que interpreta Flora na série, dublou Peppa Pig em 13 episódios do desenho animado em 2020.

THE HAUNTING OF BLY MANOR (L to R) AMELIE SMITH as FLORA in THE HAUNTING OF BLY MANOR Cr. EIKE SCHROTER/NETFLIX © 2020

 

11) O ator Henry Thomas interpreta o personagem Henry Wingrave, que curiosamente também tem o mesmo nome do autor Henry James.

THE HAUNTING OF BLY MANOR (L to R) HENRY THOMAS as HENRY WINGRAVE in THE HAUNTING OF BLY MANOR Cr. EIKE SCHROTER/NETFLIX © 2020

12) The Newton Brothers, compositores da trilha sonora da série, também trabalharam ao lado de Mike Flanagan nas trilhas sonoras de “Doutor Sono (2019)”, “Jogo Perigoso (2017), “Ouija: Origem do Mal” (2016), O Sono da Morte (2016), Hush: A Morte Ouve (2016) e O Espelho (2013).

Escute a trilha sonora completa clicando aqui.

Cinema

“Broadcast Signal Intrusion” mistério de décadas inspira novo filme de terror

"Broadcast Signal Intrusion" mistério de décadas inspira novo filme de terror

Filme de terror “Broadcast Signal Intrusion” é inspirado em interferências reais de transmissão que aconteceram nos anos 80.

Anunciado como “uma viagem inquietante em nossos pesadelos tecnológicos coletivos, enfrentando nossos medos mais profundos e obscuros de ambos homem e máquina” o novo filme de terror “Broadcast Signal Intrusion” do cineasta Jacob Gentry (O Sinal) estreou este mês no festival online SXSW – indisponível no Brasil – com grandes expectativas. Clique aqui para conferir os filmes em exibição global e os exclusivos dos EUA.

“Enquanto registra fitas de programas de TV de décadas atrás, James, um arquivista de vídeo descobre um videotape surreal e perturbador que ele acredita ser o causador de uma misteriosa interferência de sinal de transmissão. Sua descoberta dá uma guinada sinistra quando James rastreia interrupções de transmissão semelhantes que o enviam em uma missão obsessiva. Agora James deve enfrentar duas possibilidades muito reais: que os vídeos podem ser pistas para um crime além de qualquer compreensão; e que quem estava por trás disso pode estar muito ciente de que James está próximo da verdade.”

“Broadcast Signal Intrusion” foi inspirado por interrupções de transmissão reais que ocorreram em Chicago, EUA no final da década de 1980 e permanecem sem explicação até hoje. O roteiro foi escrito por Tim Woodall e Phil Drinkwater. Estrelando Harry Shum Jr. (Podres de Ricos), Chris Sullivan (“This Is Us”) e Kelley Mack (“The Walking Dead”).

Pôster divulgado hoje. Arte oficial de Drusilla Adeline / Sister Hyde.
"Broadcast Signal Intrusion" mistério de décadas inspira novo filme de terror

Continue Lendo

Cinema

“O Estranho Mundo de Jack” Terá Sequência, MAS não para o Cinema

"O Estranho Mundo de Jack" Terá Sequência, MAS não para o Cinema

Quem nunca desejou uma sequência de “O Estranho Mundo de Jack” que atire a primeira pedra. O filme escrito e produzido por Tim Burton com a maravilhosa trilha sonora de Danny Elfman que encanta gerações e gerações com “This is Halloween” até hoje, e agora pode finalmente continuar sua história.

O site Gizmodo disse com exclusividade que um romance para jovens adultos com foco no interesse amoroso de Jack, O Esqueleto e Sally, pode ser lançado. A Disney escolheu a autora Shea Ernshaw para escrever um novo romance para jovens que se passa após os eventos do amado filme de animação de Tim Burton, colocando os holofotes em uma nova aventura para Sally.

“Ainda sem título, o romance mostra Sally e Jack casados ​​e felizes tendo suas vidas momentaneamente viradas de cabeça para baixo quando Sally acidentalmente solta um misterioso vilão na Cidade do Halloween. Com Jack e todo o mundo do feriado em perigo, Sally parte em uma jornada para outros mundos de férias – incluindo um até então inexplorado – como o Rei do Horror, descobrindo segredos sobre como salvar o mundo e lutando com novas descobertas sobre sua vida passada.”

“Um dos temas centrais de “Os Estranho Mundo de Jack” foi a luta de Jack para entender sua identidade”, explicou Eanshow ao Gizmodo. “Ele estava cansado de ser o Rei do Horror e, em seu anseio por algo mais, planejou assumir o controle do Natal. Neste livro, eu realmente queria explorar a identidade de Sally e entender melhor não apenas quem ela é agora que se apaixonou por Jack e assumiu o papel de Rainha do Horror, mas também entender como seu passado afetou seus desejos presentes, dúvidas e sonhos.”

Um livro já é algo incrível, mas vamos criando a expectativa de uma futura adaptação para o cinema, pode ser até direto para o Disney+ que a gente já fica feliz. E vocês, concordam?

Continue Lendo

CineBatalha

Hereditário ou Midsommar – Qual é o Melhor Filme de Terror de Ari Aster?

Dois filmes pesadíssimos do diretor Ari Aster com distribuição da A24 – Hereditário de 2018 e Midsommar de 2019. Queremos saber qual é o seu favorito? Responda as perguntas abaixo:

E no dia 19 de fevereiro (próxima sexta-feira) às 21h tem o retorno do programa mensal CineBatalha com o duelo de Hereditário x Midsommar. Sua participação é importante, descubra quem vencerá essa batalha. Já se inscreva no canal e ative a notificação no vídeo abaixo:

Continue Lendo

Agora voce pode ajudar a trilha do medo

Trilha do Medo no Facebook

As Melhores Trilhas Sonoras de filmes de Terror

Ouça nossa playlist de filmes de terror / séries no Spotify com um montão de trilhas sonoras:

Hype do momento