Cola na gente

Cinema

Diretor comenta semelhanças nos filmes ‘Hereditário’ e ‘Midsommar’

O primeiro longa-metragem de Ari Aster, ‘Hereditário’, foi um dos filmes de terror mais comentados dos últimos anos. Brutal, impactante e que te deixa traumatizado por alguns dias. E se você não sentiu nem um pouco de incomodo, meus parabéns.

E agora temos o segundo longa de Aster, ‘Midsommar – O Mal Não Espera a Noite’.  Em uma entrevista com Bloody-Disgusting, Aster explicou que as conexões entre ambos não eram inteiramente intencionais, mas que os filmes estão, de certa forma, conectados.

“Eles estão espiritualmente conectados inadvertidamente”, disse Aster.

“Fiquei ciente de como eles estão conectados enquanto eu fazia o Midsommar, mas não era de design. Eu percebi “Ah, eu estou fazendo um filme sobre família e fazendo filmes que apresentam cultos que são muito importantes para a história.”

Aster explica – “Então, para mim, é minha maneira de fazer um filme de gênero satisfatório que funcione como um filme de gênero e, ao mesmo tempo, espera fazer algo que possa ter algum peso alegórico sem perder isso até o final.”

A seguir Aster respondeu uma pergunta que pode conter SPOILER de ‘Midsommar’.

Perguntaram qual era o problema dele com cabeças, porque pelo que parece, em ‘Midsommar’ teremos novamente um certo impacto aí. Ele respondeu – “Eu não sei”.

Mas, de acordo com Aster, só porque ele repete esse ato em filmes de terror não significa que o traumatismo craniano o assusta pessoalmente.

“Não, se há alguma coisa, há algo de particularmente satisfatório em tirar a cabeça de uma pessoa ou entrar em colapso. Eu não sei. É como se houvesse algo visceral nisso, eu acho, é quando imaginamos um final violento… ”explicou Aster.

“Se eu pensar em outros filmes que eu escrevi que eu ainda não fiz, há mais traumas nas cabeças por vir”, Aster riu.

E, dado o quão temática e narrativamente conectados ‘Hereditário’ e ‘Midsommar’, isso significa que Aster vai produzir uma trilogia?

“Estou lutando com dois filmes agora que quero fazer”, revelou Aster. “Eu não sei qual eu vou fazer a seguir, e ambos se encaixam em uma trilogia se eu decidisse anunciar isso assim.”

‘Midsommar – O Mal Não Espera a Noite’ estreia no Brasil dia 19 de setembro nos cinemas.

Advertisement
Clique para comentar

Cinema

Mulher é perseguida por maníaco sequestrador em thriller de tirar o fôlego

“Alone” é um suspense de perseguição e sobrevivência dirigido por John Hyams e estralado por Jules Willcox e Marc Menchaca. A trama gira em torno de uma viúva em luto, que está apenas tentando recomeçar sua vida, mas durante sua mudança, ela cruza o caminho de um homem misterioso (Menchaca) que começa a persegui-la e ela precisa encontrar uma maneira de escapar desse maníaco.

O longa estreia nos cinemas dos EUA e em VOD no dia 18 de setembro.

Continue Lendo

Cinema

“O Diabo de Cada Dia” – Crítica e Diferenças do Livro | Filme da Netflix

Dessa vez falamos sobre o filme “O Diabo de Cada Dia” da Netflix que é uma adaptação do livro “O Mal Nosso De Cada Dia” lançado pela Darkside Books, junto com a Fada do Terror Analu Tortella do canal Terror de Quinta.

No vídeo abaixo a metade é sem spoiler e a outra metade com spoiler pra agradar geral. Comentamos os pontos positivos e negativos do filme e também as diferenças do livro para o filme:

Vai lá e comente o que você achou do filme e aproveite para se inscrever no nosso canal!

 

Continue Lendo

Trilha do Medo no Facebook

As Melhores Trilhas Sonoras de filmes de Terror

Ouça nossa playlist de filmes de terror / séries no Spotify com um montão de trilhas sonoras:

Hype do momento