Cola na gente

Cinema

Saiba como é o verdadeiro ‘Midsommar’ na Suécia

Depois que ‘Hereditário’ trouxe vários simbolismos reais de uma seita, nós precisávamos pesquisar sobre o novo filme do diretor Ari Aster, e saber a história verdadeira de Midsommar da Suécia, se é próximo das bizarrices que vimos em sua obra perturbadora.

(SPOILERS por toda parte)

Pra começar o ‘Midsommar‘ ou ‘Midsummer‘, significa “solstício de verão”, celebração do meio do verão e é um dos principais feriados suecos. Acredita-se que o solstício é comemorado desde a idade da pedra, uma celebração pagã que a igreja cristã adaptou a seus modos para não precisar elimina-la (como sempre). Nossas famosas festas juninas acontecem na mesma época.

O “midsummer” acontece entre 19 e 25 de junho, próximo do dia mais longo do ano, são quase 18 horas. Muita dança, comilança, muita bebida alcoólica, música e resumidamente é isso. Mas claro que tem um porque disso tudo. As celebrações são realizadas para dar boas-vindas ao verão e à estação da fertilidade.

As principais celebrações acontecem na sexta-feira, e os eventos tradicionais incluem danças em torno do mastro (majstång ou midsommarstång) coberto por folhas e flores que simboliza a fertilidade.

Famílias, jovens e turistas entram na dança usando coroas feitas de galhos e flores. Uma das canções mais populares fala sobre rãs:

“Små grodorna, små grodorna är lustiga att se.
Ej öron, ej öron, ej svansar hava de
Kou ack ack ack, kou ack ack ack,
kou ack ack ack ack kaa.”

“The little frogs, the little frogs are funny to observe.
No ears, no ears, no tails do they possess.
Kou ack ack ack, kou ack ack ack,
kou ack ack ack ack kaa.”

“Os sapinhos, os sapinhos são engraçados de se observar.
Sem ouvidos, sem ouvidos, sem cauda eles possuem.
Kou ack ack ack, kou ack ack ack,
kou ack ack ack ack kaa.”

Achei no mínimo sinistra essa musiquinha aí.

Sobre a coroa de flores, acredita-se que elas seguram a potência da magia nesse dia em que aumenta qualquer tipo de magia, e elas podem trazer boa sorte e saúde. Existe uma espécie de mito que se a pessoa pegar sete tipos de flores silvestres recém-colhidas e as colocar embaixo do travesseiro, ela irá sonhar com seu futuro amor durante a noite. Já sabemos que saiu deste mito a ideia de Ari criar aquela simpatia nojenta para conquistar o amor, usando os pelos pubianos e o sangue da menstruação da garota (ekaaa).

Existiam sacrifícios durante as comemorações do solstício de verão?

Não, não existe nada registrado sobre sacrifícios, pelo que parece Ari Aster usou a temática das festividades sueca e inseriu alguns rituais pagãos de outras histórias. Existia sacrifícios na Alemanha, fogueiras eram usadas para sacrifícios humanos durante o solstício da Deusa Sol Saule.

Runas Antigas e Sexo em Grupo?

O site Esquire entrou em contato com um jornalista e autor sueco Po Tidholm, que escreveu um livro sobre tradições suecas. E ele foi questionado se existia alguma ligação com runas antigas, já que o filme ‘Midsommar‘ é cheio de simbolismos com diversas runas e a história depende fortemente dessa linguagem: “Que eu saiba, nunca houve runas associadas às festividades de verão da Suécia.”

E sobre a cena em que Christian é drogado e “forçado” a transar com uma jovem na frente de várias mulheres nuas, com o intuito de trazer genes externos e evitar mais incesto na comunidade, é simplesmente uma representação mais bizarra de que durante a comemoração, os jovens passam horas bebendo e no fim do longo dia eles acabam fazendo sexo (talvez) com quem não devia, mas muitos adolescentes escolhem essa data para perder a virgindade.

Bom, agora você já sabe que as festividades na Suécia não tem perigo, o máximo é você ter uma overdose e acordar na cama de algum estranho. Se houver algum tipo de sacrifício com certeza você está no rolê errado amigo. Então tome muito cuidado para onde vocês vão viajar durante o solstício de verão.

Gostaram da notícia? Então compartilhe com geral e nos ajude a crescer mais e mais. Ah e segue nosso instagram @trilhadomedo

Cinema

Elenco de ‘Invocação do Mal 3 – A Ordem do Demônio’

Agora com a confirmação da Warner, o título oficial de ‘Invocação do Mal 3 – A Ordem do Demônio’ já nos deixam a par da história que será explorada. O famoso caso conhecido como ‘The Devil Made Me Do It’ (“O Demônio me fez Fazer Isso”).

Ainda não temos uma sinopse oficial mas tudo indica que a história vai acompanhar o julgamento de Arne Cheyenne, interpretado pelo ator Ruairi O’Connor (‘Espírito Jovem’). Então com base na história real, criamos uma possível sinopse do próximo capítulo da franquia ‘Invocação do Mal’.

Durante a limpeza de um novo imóvel adquirido, David (Julian Hilliard – A Maldição da Residêncial Hill) começa a ser assombrado por uma entidade e o mal que habitava a nova casa da família Glatzel começa assombrar a criança. Desesperados eles pedem ajuda para o casal Warren (Vera Farmiga e Patrick Wilson), mas o mal consegue se esconder e fazer a vida da família um verdadeiro inferno.

Sterling Jerins volta a interpreta Judy a filha do casal Warren; Charlene Amoia (Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa) será Judy Glatzel, Sarah Catherine Hook (Lei & Ordem) como a filha Debbie Glatzel. Teremos também o passado de Ed e Lorraine, Megan Ashley Brown será a jovem Lorraine e Mitchell Hoog interpreta o jovem Ed.

Conheça a história real de ‘Invocação do Mal 3’ aqui.

‘Invocação do Mal 3 – A Ordem Do Demônio’ estreia no Brasil dia 10 de setembro de 2020.

Continue Lendo

Cinema

Globo de Ouro 2020 – Lista completa dos indicados

Confira os indicados ao Globo de Ouro 2020, uma das principais premiações entregue anualmente aos profissionais do cinema e da televisão.

Cinema
Melhor Filme – Drama
1917
Coringa
Os Dois Papas
História de um Casamento
O Irlandês

Melhor Filme – Musical ou Comédia
Entre Facas e Segredos
Era Uma Vez em Hollywood
Jojo Rabbit
Meu Nome é Dolemite
Rocketman

Melhor Direção
Bong Joon Ho – Parasita
Sam Mendes – 1917
Todd Phillips – Coringa
Martin Scorsese – O Irlandês
Quentin Tarantino – Era Uma Vez em Hollywood

Melhor Ator – Filme de Drama
Christian Bale – Ford vs Ferrari
Antonio Banderas – Dor e Glória
Adam Driver – História de um Casamento
Joaquin Phoenix – Coringa
Jonathan Pryce – Os Dois Papas

Melhor Atriz – Filme de Drama
Cynthia Erivo – Harriet
Saoirse Ronan – Adoráveis Mulheres
Scarlett Johansson – História de um Casamento
Charlize Theron – O Escândalo
Renée Zellweger – Judy

Melhor Ator – Musical ou Comédia
Daniel Craig – Entre Facas e Segredos
Roman Griffin Davis – Jojo Rabbit
Leonardo DiCaprio – Era Uma Vez em Hollywood
Taron Egerton – Rocketman
Eddie Murphy – Meu Nome é Dolemite

Melhor Atriz – Musical ou Comédia
Ana de Armas – Entre Facas e Segredos
Awkwafina – The Farewell
Cate Blanchett – Cadê Você, Bernadette?
Beanie Feldstein – Fora de Série
Emma Thompson – Late Night

Melhor Ator Coadjuvante
Tom Hanks – Um Lindo Dia na Vizinhança
Anthony Hopkins – Os Dois Papas
Al Pacino – O Irlandês
Joe Pesci – O Irlandês
Brad Pitt – Era Uma Vez em Hollywood

Melhor Atriz Coadjuvante
Kathy Bates – O Caso Richard Jewell
Annette Bening – O Relatório
Laura Dern – História de um Casamento
Jennifer Lopez – As Golpistas
Margot Robbie – O Escândalo

Melhor Roteiro
Os Dois Papas
Era Uma Vez em Hollywood
História de um Casamento
O Irlandês
Parasita

Melhor Filme de Animação
Como Treinar o seu Dragão 3
Frozen 2
O Link Perdido
O Rei Leão
Toy Story 4

Melhor Filme Estrangeiro
Dor e Glória
The Farewell
Les Misérables
Parasita
Retrato de uma Dama em Chamas

Melhor Trilha Sonora
1917
Adoráveis Mulheres
Brooklyn – Sem Pai Nem Mãe
Coringa
História de um Casamento

Melhor Canção Original
“Beautiful Ghosts” – Cats
“(I’m Gonna) Love Me Again,” – Rocketman
“Into the Unknown” – Frozen 2
“Spirit” – O Rei Leão
“Stand Up” – Harriet

Televisão
Melhor Série – Drama
Big Little Lies
The Crown
Killing Eve
The Morning Show
Succession

Melhor Série – Comédia
Barry
Fleabag
The Marvelous Mrs. Maisel
O Método Kominsky
The Politician

Melhor Minissérie ou Telefilme
Catch-22
Chernobyl
Fosse/Verrdon
Inacreditável
The Loudest Voice

Melhor Ator em Série de Drama
Brian Cox – Succession
Kit Harrington – Game of Thrones
Rami Malek – Mr. Robot
Tobias Menzies – The Crown
Billy Porter – Pose

Melhor Atriz em Série de Drama
Jennifer Aniston – The Morning Show
Olivia Colman – The Crown
Jodie Comer – Killing Eve
Nicole Kidman – Big Little Lies
Reese Witherspoon – The Morning Show

Melhor Ator em Série de Comédia
Michael Douglas – O Método Kominsky
Bill Hader – Barry
Ben Platt – The Politician
Paul Rudd – Cara x Cara
Rami Yousef – Rami

Melhor Atriz em Série de Comédia
Cristina Applegate – Disque Amiga para Matar
Kirsten Dunst – On Becoming God in Central Florida
Rachel Brosnahan – The Marvelous Mrs. Maisel
Natasha Lyonne – Boneca Russa
Phoebe Waller-Bridge – Fleabag

Melhor Ator em Minissérie
Chris Abbott – Catch-22
Sacha Baron Cohen – The Spy
Russell Crowe – The Loudest Voice
Jared Harris – Chernobyl
Sam Rockwell – Fosse/Verdon

Melhor Atriz em Minissérie
Kaitlyn Dever – Inacreditável
Joey King – The Act
Helen Mirren – Catherine the Great
Michelle Williams – Fosse/Verdon
Merritt Wever – Inacreditável

Melhor Ator Coadjuvante em Série, Minissérie ou Telefilme
Alan Arkin – O Método Kominsky
Kieran Culkin – Succession
Andrew Scott – Fleabag
Stellan Skarsgard – Chernobyl
Henry Winkler – Barry

Melhor Atriz Coadjuvante em Série, Minissérie ou Telefilme
Patricia Arquette – The Act
Helena Bonham Carter – The Crown
Toni Collette – Inacreditável
Meryl Streep – Big Little Lies
Emily Watson – Chernobyl

Continue Lendo

Cinema

Ator comenta sobre a possível sequência ‘Pânico 5’

O site Bloody Disgusting havia comentado sobre o novo projeto da Spyglass de trazer a franquia ‘Pânico’ de volta nos cinemas.

O ator David Arquette disse em uma entrevista para o site Movie Web que adoraria voltar com seu personagem, o Xerife Dewey Riley, mas não temos nenhuma notícia boa para os fãs.

“Meu telefone não tocou e não sei nada.”, e ele continua:

“Então eu sei exatamente o que você sabe também, que eles estão trabalhando em um roteiro, aparentemente. Não sei se nossos personagens vão se envolver. Seria legal. Seria emocionante fazer parte disso. É triste que Wes não esteja aqui, mas eu adoraria ver o legado dele continuar e os grandes projetos e filmes que ele fez parte da vida após a morte, e continuar o que começou. Eu adoraria ver mais ‘A Hora do Pesadelo’. Eu adoraria ver mais ‘Pânico’. Eu acho que ele era uma pessoa incrivelmente talentosa. Estou tão honrado por ter trabalhado com ele, em geral.”

Até o momento nenhum ator da franquia foi contactado, mas a Spyglass está nos primeiros estágios do retorno da franquia, então podemos aguardar mais notícias. E você gostaria de um remake/reboot ou uma sequência?

Continue caminhando na Trilha do Medo!
Continue Lendo
Advertisement

Hype do momento